O Presídio Regional de Blumenau reforçou a segurança da unidade com a conclusão dos trabalhos de instalação de uma rede de vigilância formada 64 câmeras de monitoramento. Localizadas em pontos estratégicos, os equipamentos ampliam o raio de observação e controle da unidade.

O secretário de Administração Prisional e Socioeducativo, Leandro Antônio Soares Lima, destaca que o monitoramento também dá transparência para todas as ações internas da unidade. Os recursos para a aquisição dos equipamentos é resultado de uma parceria da unidade prisional com as quatro empresas que mantêm oficinas  trabalho no presídio, além de recursos próprios usados na manutenção dos 18 equipamentos que já estavam instalados no presídio. “A atividade laboral, além de permitir a reabilitação socioeconômica do interno, porque ele recebe um salário pelo trabalho que realiza, é uma estratégia de segurança prisional”, observa o secretário.

O diretor do Presídio de Blumenau, Dilmar Orlando, reforça que os equipamentos também dão agilidade aos procedimentos de segurança. “Trata-se de um ganho muito importante para o presídio porque desta forma aumentamos o nosso controle a fim de evitar a entrada de materiais ilícitos. Esse monitoramento atinge também áreas externas da unidade e poderemos coibir não apenas os arremessos de materiais, mas também identificar  as pessoas que cometem estes atos ilegais”, observa Dilmar Orlando.

09PRESIOBLU